Descrição do cenário em que surgiu o projeto, justificativa para sua implantação, objetivos e desafios:

O projeto surge da observação do grande interesse manifestado pelos pacientes na melhoria da escrita, conhecimento e pela alfabetização, visto que a maioria tem baixa escolaridade e deseja aprimorar a própria assinatura.

Dessa forma, estudou-se em conjunto com o voluntário, professor Adalberto Xavier, uma técnica para desenvolver este projeto, e com um olhar especial para fato de serem pessoas adultas, com diagnóstico de câncer, estando com baixa autoestima. Ele possui graduação em Artes Visuais e pós-graduação em Arte e Educação, atuando também em outras entidades que trabalham nos processos de reabilitação.

Surge então a técnica de começar este trabalho através do desenho de caricaturas, com o objetivo inicial de trabalhar a motricidade fina para posteriormente passar à caligrafia, exercitando as letras para depois juntá-las.

Tem como objetivos oferecer aos pacientes e familiares atividades que estimulam a alfabetização; promover o convívio e a integração social; desenvolver a criatividade através dos trabalhos propostos; estimular a autonomia e a busca por novas técnicas ...

Continue Lendo
Categoria: 7. Oficinas - Convívio social e aprendizado

A proposta do projeto busca introduzir o paciente, familiares e cuidadores, ao mundo digital, inserindo-os e democratizando o acesso aos conhecimentos básicos em informática. Devido à dificuldade em acessar a tecnologia digital, a proposta do projeto é inseri-las a neste contexto, visando autonomia e proporcionando a busca por diversas informações estimulando amizades nas redes sociais, preparação para o mundo do trabalho, conhecer outros lugares e também na troca de experiências reforçando a autoestima.

A oficina de informática visa favorecer uma melhora em sua condição de sobrevida, a interação social e o fortalecimento de vínculos, o que é fundamental ao enfrentamento  do diagnóstico e o devido tratamento oncológico.

METODOLOGIA

O curso se dará com duas turmas de 10 (dez) alunos – pacientes, familiares e cuidadores.

As oficinas serão formadas em módulos, uma vez por semana para cada turma, sempre no período da tarde, com duração de três horas, sendo que terá 15 minutos de intervalo para o lanche coletivo totalizando 4 (quatro) encontros mensais para cada turma.

A oficina terá duração de nove meses, destes serão 08 meses de curso sendo  1 (um) mês para as avaliações...

Continue Lendo
Categoria: 7. Oficinas - Convívio social e aprendizado

 Esta Oficina foi idealizada pela Universidade Feevale através do CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM ESTÉTICA E COSMÉTICA, reconhecido pela portaria n 430 de 29 d/07/2014 – D.O.U. de 31/07/2014 com 2.400 horas.  A Coordenadora do curso, Professora Dr Helena Schirmer, e docente Professora Esp. Janaina Peixoto; contactaram a Liga-NH expondo o trabalho através do Projeto Faces da Beleza e por ter a Universidade Feevale um Compromisso Social onde investe na Responsabilidade Social – Reinclusão Social, este Projeto se adaptaria perfeitamente ao trabalho da Liga-NH desenvolvido em prol da Reinclusão Social.

A parceria foi firmada em 29 de março de 2016, e a Professora Janaina Peixoto junto com as suas alunas ministram a oficina todas as terças feiras na parte da tarde na sede da Liga-NH – Rua Tupi nº758 1º andar Centro NH – com 30 pacientes alunos e familiares inscritos, sendo que a Oficina se dá para cada turma de 15 em 15 dias com duração de um semestre.

O Objetivo principal desta oficina se dá no sentido de trabalhar, conscientizar e passar o conhecimento de como se pode prevenir os efeitos nocivos da quimioterapia e radioterapia em relação a pele, unhas, cabelos e boca.

Em relação a pele os efeitos nocivos, manifestação se dá através de coceiras, ressecamento, sens...

Continue Lendo
Categoria: 7. Oficinas - Convívio social e aprendizado
empresas Amigas
fale com a Gente
Estado
Cidade
Até 500 caracteres
Enviar